Nossa História

Essa história começou na década de 60, bem no período em que alguns municípios do Vale do Taquari foram emancipados e que a região, povoada especialmente por imigrantes de origens alemã, italiana e açoriana, já dava sinais de que seria muito próspera do ponto de vista econômico.

Em busca de novas alternativas de renda, os irmãos Rizzieri e Luiz Bortolini, apostam na agroindústria, pela experiência que já tinham na plantação de uvas e elaboração de vinhos, e no comércio, que já despontava como uma atividade promissora.

Os Irmãos juntaram suas economias e investiram em um moinho de trigo. Surgia, em 1955, a Irmãos Bortolini Cia Ltda. Após, produzida e beneficiada, a farinha era vendida para armazéns de localidades próximas.

Em uma dessas viagens, em 1956, Rizzieri teve a oportunidade de expandir seus negócios e mudar de vida. O comerciante local de secos e molhados Vitorino Chesini, instalado em Lajeado, identificou o perfil negociante e bem relacionado de Rizzieri e concluiu que poderia ser um bom parceiro para aumentar seus negócios.

Em 1956, nasce a Imec – Importadora e Exportadora de Cereais S/A. A empresa foi fundada como a sucessora da Chesini e Cia Ltda para atuar nos ramos de importação e exportação, beneficiamento e industrialização de cereais, comércio por atacado e varejo de alimentos e o emergente segmento de supermercados. A união de dois visionários vislumbrando o progresso do Vale do Taquari marcou uma nova era não só para eles, mas para toda a região.

A primeira loja localizava-se na esquina da Rua Pinheiro Machado com a Rua Júlio de Castilhos, em Lajeado.

Os supermercados Imec nascem na década de 60 já trazendo uma forte inovação para a região. A Casa de Comércio Secos e Molhados transforma-se efetivamente no primeiro supermercado da região. O local foi o primeiro a colocar algumas gôndolas para substituir o atendimento direto no balcão, deflagrando o conceito de auto-serviço.

A década de 60 foi marcada por uma forte expansão. Foram inauguradas lojas em Santa Cruz, Estrela e Rio Pardo.

A Imec adentrou na década de 70 com sete lojas em cidades dos Vales do Taquari e Rio Pardo.

Na mesma época, o comércio de cereais se expandia, atingindo todo o território Brasileiro.

Um importante marco foi a conclusão da loja Matriz, em 1977, tornando-se, até hoje, o principal supermercado em Lajeado. A loja impressionava pela arquitetura arrojada. O edifício tinha portas de incêndio e elevadores em blocos separados, o que era uma grande novidade em termos de segurança na época. A expansão continuava para as cidades do Vale do Rio Pardo, como Candelária, Cachoeira e Encantado. Em 1997, eram 11 lojas.

Em 2005 se dá início à operação gastronômica Chef Imec, contando atualmente com cinco restaurantes em Lajeado, Montenegro, Cachoeira do Sul, Santa Cruz do Sul e Vacaria.

A questão da produção própria é um grande diferencial para a empresa. Em 2006, surge a Italianinho Alimentos, com a finalidade de abastecer as padarias e confeitarias das lojas e padronizar a qualidade do pão francês a partir de pão congelado. A indústria de panificação abastece todas as lojas da rede IMEC de supermercados.

Em 2007, o grupo passa a contar com a central de fatiamento, junto com o Centro de Distribuição, em Lajeado, que entra em operação para servir frios embalados a todas as lojas de Lajeado e, mais tarde para os demais supermercados do grupo.

O engenho de arroz, localizado em Rio Pardo, que também faz parte do Grupo Imec, beneficia o cereal das marcas Italianinho, Italianão e Líder do Sul. O arroz é comercializado por representantes em quase todo o Brasil.

A Rede Imec conta atualmente com 17 supermercados Imec e quatro Desco Super&Atacado. As lojas estão localizadas nas cidades de Lajeado, Vacaria, Dois Irmãos, Farroupilha, Bento Gonçalves, Encantado, Estrela, Santa Cruz do Sul, Cachoeira do Sul, Rio Pardo, Candelária, Montenegro, Venâncio Aires e Pantano Grande.

A Rede Imec conta com cerca de 2.100 colaboradores atuando nas áreas de administração, distribuição, supermercado, atacado, Italianinho e Líder do Sul.

Matriz, em Lajeado, na década de 60.
Matriz, em Lajeado, na década de 60.
Matriz, em Lajeado, atualmente.
Voltar